Sunday, March 15, 2009

Environmental education and outdoor




A educação ambiental e as distracções ao ar livre são muito importantes para o desenvolvimento saudável dos jovens.

Agora que os alunos passam 90% do seu tempo no interior (casa ou escola) o déficit da desordem ambiental está a aumentar.

Um estudo recente demonstrou que os jovens passam pouco mais do que alguns minutos, por dia, em brincadeiras ao ar livre. O estudo concluiu que este estilo de vida está a causar consequências emocionais, educativas e físicas, incluindo a obesidade.




Trazer os jovens para o ar livre, mostrar-lhes o mundo que os rodeia, incentivá-los a apreciar a Natureza, aproveitando para fazer exercício físico é essencial para o seu equilíbrio.

earthday.net
(tradução livre)



Walking outdoor classroom  (coountryside)
Environmental education and outdoor play is important for our children’s personal and academic growth. With students now spending 90% of their time indoors, “nature deficit disorder” is on the rise. A recent study found that children spend less than four minutes a day in “unstructured outdoor play.” This secluded lifestyle is causing emotional, educational, and physical consequences, including obesity. Getting kids outside teaches them about the world around them and gives them an appreciation for nature while providing an opportunity for sunshine and exercise.
Leave No Child Inside




Earth Day Network has been working with more than 600 groups, representing 42 million Americans, to pass the No Child Left Inside Act. This piece of legislation would get kids outside during the school day by providing new funding for environmental education. The funds would ensure that teachers are trained to provide high-quality, engaging lessons and would expand environmental learning opportunities across the country.
earthday.net

O sistema educativo português devia rever os seus métodos e permitir mais aulas ao ar livre, em lugar de nos ter aprisionados horas seguidas, em períodos tão longos do dia, fechados entre quatro paredes!

Poderíamos aproveitar a excelente situação geográfica da nossa cidade e da nossa escola. Fazer sessões de leitura no Parque da Cidade, nas margens do Douro, nos jardins de Serralves ou do Palácio de Cristal.



Outdoor classroom at Serralves

Também seria possível e muito salutar fazer-se caminhadas a pé ou de bicicleta nas praias da Foz e Matosinhos, correr ou passear no Parque na Cidade.

Tudo isto deveria fazer parte dos hábitos diários e dos currículos escolares. Estaríamos assim a contribuir para novas gerações muito mais saudáveis!

"La tecnología puede enviar a un hombre a la luna, desvelar los secretos del ADN y conseguir que la gente viaje alrededor del globo cada vez en menos tiempo. Pero, ¿puede sustituir a la naturaleza? Según los autores de ciencia ficción, tanto novelas como películas, en un futuro viviremos en casas sin ventanas que nos mostrarán a través de pantallas idílicos paisajes de todo el mundo que cambiarían aleatoriamente con sólo pulsar un botón".

Helena Martínez
El País.com (12.06.2008)


Impossível! O Homem jamais poderá viver sem a Natureza! Será que estamos a esquecer que somos humanos?!

O sol, o vento, as árvores, a água, o canto dos pássaros e tudo que nos evoque a Natureza nunca poderão ser igualados por mera invenção humana!
Vivamos e fruamos a Natureza!

Ah! Um conselho! Frequentem menos os centros comerciais e os lugares de fast-food.



Boa e saudável vida para todos!


G-Souto

15.03.2009
Copyright © 2010G-Souto'sBlog, gsouto-digitalteacher.blogspot.com®


Licença Creative Commons
Environmental Education and outdoor by G-Souto is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.


References:

No comments: